SIGA-NOS NO FACEBOOK

Cidália Jesus

Filha, neta e sobrinha de surdos, e tendo a Língua Gestual Portuguesa como língua materna, desde cedo começou a exercer funções de intérprete, em contexto familiar, associativo e comunitário.

Iniciou a sua atividade profissional em 1992, tendo colaborado com diferentes entidades públicas e privadas, com diferentes associações de surdos, e em 1997 integra os quadros da Associação Portuguesa de Surdos, como intérprete de LGP.

Em 2001 muda-se para Ponta Delgada, para trabalhar com a comunidade surda açoriana, nomeadamente na ASISM – Associação de Surdos da Ilha de São Miguel, onde permaneceu 15 anos.

Tem trabalhado em diferentes contextos, para além do associativo e comunitário, nomeadamente em conferências, nacionais e internacionais, no sistema judicial, televisivo, desportivo, religioso, politico, artístico, entre outros.

Encontra-se atualmente a trabalhar a tempo inteiro na FPAS – Federação Portuguesa das Associações de Surdos, como intérprete LGP.